202009_08_Empena Pixote_Rua dos Pinheiros-1470525-Edit.jpg

BIOGRAFIA: 

Pixote Mushi é um artista visual brasileiro mais conhecido como Pixote, nome herdado nas ruas de Diadema, sua cidade natal.  Periferia metropolitana de São Paulo e berço da indústria metal mecânica do Brasil, lugar de grande migração nordestina, o que já explica seus interesses por temáticas sociais e da cultura popular brasileira.

Pixote iniciou sua trajetória artística através do Graffiti em 1997, mas seu primeiro contato com a arte urbana foi pela escrita de pixação em 1994. foi Profissional metalúrgico até os seus 20 anos, então passou a estudar computação gráfica, o que viria a levá-lo ao mercado publicitário, onde permaneceu por 11anos como modelador e animador 3D. Sua formação artística se deu por meio dos cursos técnicos especializados em arte, não cursou faculdade, mas estudou desenho na Quanta academia de artes, escultura no ateliê de Vinicius Fragata, desenho e pintura a óleo com Maurício Takiguthi, xilogravura no Museu Lasar Segall e no museu Oswald de Andrade, fez residência artística com o mestre Carlos Henrique no Crato-CE, e participou do grupo de estudos do artista plástico e grafiteiro Walter Nomura (Tinho).

Saindo do mercado áudio visual publicitário em 2015 passou a focar no desenvolvimento do seu trabalho autoral, através das orientações do artista já citado Walter Nomura (Tinho),  imergiu então em suas raízes familiares, viajando para Juazeiro do Norte, CE e deixando se levar por influencias poéticas e temáticas vindas principalmente do nordeste, inspirasse muito nos povos nativos e originários brasileiro e no próprio Brasil, outro fator que influenciou muito o seu amadurecimento foi sua conversão a fé Cristã. 

Assim surgiu um artista com linguagem forte e marcante!, cheio de poéticas, mensagens e identidade, onde mistura-se toda a sua bagagem, estudos,  técnicas e pesquisas, e que, vemos então ser produzidas em grandes murais pela cidade, em xilogravuras, pintura a óleo, desenhos, esculturas e arte digital que independente da técnica é possível se reconhecer o estilo genuíno de Pixote. 

 

Pixote Mushi é um artista antropofágico como ele mesmo diz, isso no sentido de deglutir suas vivencias e oportunidades na arte, devora-los e digeri-los, superando muitas adversidades e misturando-as agora com os descobrimentos de sua identidade. 

Cada dia mais consolida-se no cenário do Graffiti, Arte urbana e Muralismo brasileiro, também desenvolve trabalhos em estúdio, mostrando se um artista emergente e promissor também nesse cenário, em suas obras é visível a influência dos movimentos "Armorial, modernista e cubista ou pós cubista" com muita brasilidade! 

Pixote também trabalha com jovens e crianças,  é arte educador e produtor cultural em Diadema cidade onde vive, produz e fomenta arte todos os dias.